sábado, 6 de junho de 2009

A máscara, internet



Com ela você pode ser o que você quiser, fazer o que quiser, como e com quem for do seu interesse. Pode usá-la para algo inofensivo (ou não), aliás com sua máscara, sua identidade está segura. Ela te promete sucesso(?), muitas vezes popularidade no mundo virtual, você pode até escolher como quer ser, tanto fisicamente, como emocional e moral. Pode dizer coisas inacreditáveis, que muitos acreditaram ou não, aliás é internet pra que levar as coisas ditas tão a sério?
Essa máscara está praticamente ao acesso de todos e a grande maioria das pessoas a usam. E ainda bem que apesar de tudo isso ela é removível, então a qualquer momento você pode descartá-la e viver sua vida real, ser feliz fora do virtual, sem mentiras, sem segredos e a menor que seja, insegurança. Não há nada melhor que se possa fazer a não ser, ser você mesmo.

6 comentários:

Bel disse...

eu acho que fingir ser quem não é na internet é bom e ruim ao mesmo tempo. enquanto você pode machucar algúem emocionalmente, ao mesmo tempo, pode fugir dos seus proprios problemas. é uma faca de dois gumes...

Thali Launé disse...

Concordo com a Bel,, devemos sim ser nós mesmas, mas também á pessoas que se passam por outras para demonstrar realmente o que são sem medo de serem criticadas,,
Mas acho super chato quem usa isso para fazer o mal! Nada legal

Philip Rangel disse...

Muitas vezes ela deixa o sem controle e devemos cuidar sempre em o q postamos ...em o q fazemos..por o perigo corre ali tmb...

bjos

Natália disse...

Quem faz algumas coisas pela net é porque queria ser igual na vida real.

abraço

Dani disse...

Internet não é boa, não é ruim e não é neutra. Depende sempre das mãos que ela está.

Vida real é bem melhor! :*

Dressa Ferreira disse...

Realmente, com a internet você pode ser o que quiser, só tem que saber usá-la! Não acho legal a pessoa mostrar algo que não é!
Beijosssssss